Qual a diferença entre as Palhetas?

Tão pequenas e tão importantes! Um equipamento de diversos tamanhos, formatos e materiais. Hoje nosso foco são elas, as famosas PALHETAS.

Donas de uma relação de amor e ódio com os músicos espalhados pelo mundo, estes pequenos “triângulos abaulados” dividem opiniões.

Na hora da escolha, os adeptos deverão atentar-se a alguns detalhes:

Espessura, o que influencia diretamente na “pegada” do músico. Proporcionam contraste sonoro de acordo com os locais de onde se dá a palhetada.

São cinco espessuras existentes:

XL – Extra fina (Extra Thin ou Extra Light) – Encontrada ainda como (XT);

T – Fina (Thin) – Encontrada ainda como LIGHT (L);

M – Média (Medium);

H – Pesada (Heavy);

XH – Extra pesada (Extra Heavy).

Conhecendo sobre a existência destas diferentes espessuras, podemos agora falar sobre como cada uma destas é aplicada nos instrumentos que às utilizam, veja só!

XL Extrafina – Usadas para casos bem específicos, como para acordes mais suaves. São mais moles e dividem opiniões, afinal elas emitem um som característico justamente por serem extrafinas, e muitos instrumentistas não curtem este barulho.

T FinaBastantes flexíveis e confortáveis são boas para fazer acompanhamentos, de efeito percussivo e som mais turvo, possuem maior elasticidade são usadas para fazer base.

Seu ruído é bem menos perceptível se comparado à XL.

M Média A palheta mais usadas entre as já citadas é a Média. Os guitarristaconseguem uma adaptação mais fácil, já que elas são flexíveis e permite imprimir mais força nas cordas. Recomendadas também para quem busca tocar com palhetas de maior espessura, a Média serve de treino para tal transição.

H PesadaAs ideais para solos, rígidas e produzem um som mais nítido, claro e limpo, deixam-no mais definido.
Desgastam muito menos e duram um longo tempo.

XH Extra pesadaA menina dos olhos dos baixistas. Estas tornam o som mais forte e ajudam na sincronia! Adotada também pelo universo do Jazz.

E as pequenas não se contentam simplesmente com a variedade em suas Espessuras, mas também diferem em seus Materiais de Confecção, são eles:

Nylon: Palhetas Thin e Extra Thin, geralmente são fabricadas em Nylon. Mais flexíveis, porém frágeis e mais susceptíveis à quebra depois de alguns meses de uso.

Celuloide: Sendo o material mais usado para a fabricação de palhetas, são as preferidas pelos que querem uma alta qualidade de som.

Lexan: Muito rígido, liso e vítreo, mas com durabilidade também pequena. Material usado em palhetas Heavy e Extra Heavy e usualmente possui uma cobertura para aumento do atrito da palheta com os dedos.

Acetal: Altamente durável, brilhoso e liso. Seu atrito com as cordas de aço ou de níquel do violão é muito baixo, assim as palhetas têm uma rápida movimentação e produzem pouco barulho de palheta.

Metal: De som mais limpo que palhetas de plástico, gastam as cordas mais rapidamente e desafinam mais facilmente o instrumento.

Acrílico: Rígido, leve, não é quebradiço e não amarela ou trinca. Pode ser moldada e cortada em quase todas as formas e espessuras de palhetas.

Madeira: As palhetas feitas de madeira possuem sua própria propriedade e produzem um som único, resultado das diferenças de densidade, dureza e estrutura celular da madeira. A maior parte das palhetas de madeira produzem um som mais abafado que palhetas de plástico ou metal.

Vidro: A palheta mais dura e pesada se comparado ao metal ou plástico. Da mesma forma, fatores como tamanho, forma e peso têm influência direta sobre a tonalidade, fazendo com que cada palheta de vidro produza um som único.

E agora, conhecendo tamanha variedade, a você adepto deste pequeno e tão importante equipamento do universo musical, não vai mais deixá-la cair na frestas do sofá, não vai mais perdê-la na gaveta bagunçada, esquecê-la dentro do violão ou até mesmo no fundo da carteira como todo bom músico.

Também confira a variedade de palhetas que você encontra em nossa Loja, clicando AQUI!

A palheta é estrelinha e não gosta de ficar “nos cantos”, deixe-a participar dos seus sons! 

E a você que não é “muito fã”, dê uma chance à ela! Experimente-a!

Fontes:

https://http2.mlstatic.com/kit-com-24-palhetas-fender-guitarra-violo-mixed-coloridas-D_NQ_NP_345515-MLB25243762302_122016-F.jpg

http://www.deniswarren.com/wp-content/uploads/Aprendendo-guitarra-Palhetas.jpg

http://violaoparainiciantes.com/os-diferentes-tipos-de-palhetas/#sthash.rrLHV8Z8.dpbs

http://www.solloamps.com.br/blog/2016/05/10/os-tipos-de-palheta/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curtiu o post? Dê uma mãozinha para nós, compartilhe este brilhante artigo!
Qual a diferença entre as Palhetas?